top 5

seguidores

palavras ao vento...

É deserto
Onde eu te encontrei
Você me viu passar
Correndo só
Nem pude ver
Que o tempo é maior
Olhei pra mim
Me vi assim
Tão perto de chegar
Onde você não está

catedral - zélia duncan
Ocorreu um erro neste gadget

videos

Loading...
Tecnologia do Blogger.

Total de visualizações de página

sábado, 20 de novembro de 2010

breve poesia - castelo encantado

gente, hoje eu vim aqui para mostrar uma das minhas poesias de um trabalho que eu estou fazendo para a escola. espero, sinceramente, que gostem, pois foi a poesia que eu fiz que eu mais gostei. 

Castelo   Encantado
Na imensidão do palácio
Vão entrando, espantados
A beleza, nunca vista
Por olhos nunca calados.

Salões imensos
Escadas de contos de fadas
Lembranças para sempre alimentadas
De entrar novamente no mundo dos sonhos.

E uma pergunta inquieta
Pulava na língua feito pipoca:
Por que a história não é retratada
pelos lugares de contos de fadas
que ainda encontrados
em perfeita forma?

Mas a decepção eminente
de tirar a idéia da mente
de que um dia passado
more num castelo encantado.

Mas alegrasse novamente
Por estar naquela hora
Onde histórias da mente
Viviam nesse palco outrora.

2 comentários:

Marigcr =] disse...

amei *-*

jalfenas disse...

é linda!!